domingo, 31 de maio de 2009

Lasanha de beringela


Essa nasceu de um erro. Eu queria fazer uma beringela que eu comi na Taormina, a cantina da Dona Helena. Lá tem um dos melhores (e mais famosos) molhos de tomate da cidade. Sem contar o café de bule com cannoli de sobremesa. Aaaai.

Daí que que pretensiosamente eu tentei fazer uma das entradas da D. Helena. Um enrolado de beringela recheada com ricota temperada, mangericão e o incrível molho de tomate. Fail! Veja, não que esperasse que fosse ficar igual, mas o erro não precisava ser tão punk. Ficou horrível, mole, salgado (eu inventei de colocar parmesão no recheio)...

Para não jogar tudo fora, montei uma lasanha de beringela. Espalhei as fatias numa travessa, despejei o molho e salpiquei mussarela. Não é beeeem uma lasanha. Mas tem camadas, molho e queijo. E aí sim deu certo.

Ingredientes:
Beringela fatianda em folhas
Molho de tomate fresco
Quanto você achar que deve de mussarela e parmesão
Mangericão
Azeite
Sal e pimenta évaa

Preparo:

Corte a beringela em folhas não muito finas. Dê uma leve grelhada nelas em uma frigideira só com um fio de azeite. Unte um refratário com azeite e coloque uma camada de beriingela, uma de molho e uma de queijo. Repita a operação até que acabe os ingredientes ou o espeço na tijela. Coloque no forno médio por alguns minutos só para derreter o queijo.

terça-feira, 26 de maio de 2009

Polpeta assada


A Grê fez polpetas e eu fiquei na nóia de copiar. Mas como eu tava numa fase light no fogão, inventei uma moda que até que deu certo: em vez de fritar as almôndegas eu assei. Ficam bem mais sequinhas e um pouco menos emocionantes sem toda aquela gordura trans, mas ainda assim continuam gostosas.

Igredientes:
Carne moída (tipo patinho, mais ou menos meio quilo)
Pão dormido
Ovo
Margarina
Farinha de trigo
Alho e sal a gosto

Preparo

Misture a carne, o ovo, os temperos, o pão triturado, um pouco de margarina e um pouco de farinha só pra dar a liga. Faça as bolinhas. Pegue uma assadeira forre com papel alumínio deixando sobrar dos lados. Coloque as polpetas, um fio de azeite sobre e feche o papel alumínio fazendo um embrulhinho. Leve ao forno médio depois de meia hora abra o papel para que eles peguem uma cor. Não deixe assar de mais para não endurecer.


Molho

Molho de tomate acompamnha. Ei fiz um molho comum com uns 3 ou 4 tomates picados e refogados no azeite e sal com semente e casca. É eu gosto de deixar, às vezes. Deixa o molho pedaçudo. Pimenta a gosto. Despeje as porpetas no molho e deixe ferver um pouco. Fure as bolinhas com o garfo para que o molhe penetre nelas.

Para acompanhar eu escolhi um assado de beringela e abobrinha com shoyu. Para esse bats picar uma beringela e uma abobrinha pequenas. Espalhe numa assadeira com tempero a gosto, shoyu e um fio de azeite. Asse até ficar mole. Pronto!



Molho vermelho pedaçudo

terça-feira, 19 de maio de 2009

Bobó de camarão


No último feriado eu fiquei aqui na city. Como era uma sexta eu consegui ir à feira que tem aqui na rua. Ah que alegria! Eu AMO feira. Começando pelo pastel, as frutas e a gritaria dos feirantes. Muita emoção! Eu fui comprar queijo meio cura e sai com uma receita completa de bobó de camarão (o bicho tarra fresquinho só pra compensar aquele maldito do bolinho!). Segue a receita da mamis!

Ingredientes
1 quilo de camarão rosa sem casca
1/2 quilo de mandioca (comprei já sem casca na feira \o/)
1 pimentão vermelho
1 pimentão verde
1 vidro de leite de coco
3 tomates
2 cebolas (se quiser)
Alho e sal
Azeite de dendê
Azeite
Pimenta (usei a de bode)

Preparo
Cozinhe a mandioca na pressão com sal até ficar beeem molinha, quase desmanchando.

Prepare o molho. Pique a cebola, os pimentões e os tomates em cubos. Doure a cebola, depois o alho e a pimenta no azeite comum. Acrescente os legumes picados e deixe cozinhar até formar um molho consistente e pedaçudo.

Em uma outra panela refogue o camarão em alho e óleo e um pouco de sal. Acrescente um pouco do molho refogado acima e deixe cozinhar por uns 5 min no máximo. Reserve.

Pegue a mandioca cozida, dê uma passada no liquidificador. (Eu gosto de deixar alguns pedaços no meio do creme.) Junte-a ao molho. Acrescente o dendê (não exagere se quiser sobreviver) e o leite de côco. Deixe ferver um pouco. Por último coloque o camarão, para que ele não cozinhe mais e endureça.

Sirva com arroz branco.

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Salada de lugumes da Barbie


Essa saladinha eu sempre como de entrada na rotisserie Santa Gema aqui do lado de casa. Até que um dia resolvi fazer. É bem fácil e ficou deliciosa.

Ingredientes
Cenouras
Batatas
Ovos
Azeite
Sal
Cheiro verde
Ervilha
Azeitonas (melhor usar sem caroço)

Preparo

Pique os legumes em cubinhoss pequenos. Cozinhe as batatas, as cenouras e os ovos. Cada um no seu quadrado, pois eles tem tempos de cozimento diferentes. Pique o ovo cozido. Misture tudo acrescentando a ervilha e a azeitona picada. Coloque azeite, sal e cheiro-verde a gosto. Misture bem. A gema vai se desfazer e se juntar ao azeita virando um creminho amarelo delicioso. Pronto!

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Molho Branco


Atendendo ao pedido do queridíssimo Filipinho segue minha receita de molho branco. Nesse caso eu vou dar medidas dos ingredientes. Mas não se acostumem.

Ingredientes
3 copos de leite
1 caixinha de creme de leite
2 colheres de sopa de manteiga ou margarina
Noz moscada
Sal
Pimenta do reino moída
1 colher de maizena (pode ser farinha de trigo também)

Preparo
Numa panela derreta a manteiga, acrescente o leite deixando meio copo a parte. Nesse restinho de leite ainda frio misture a maizena até que ela dissolva totalmente. Vá colocando essa mistura na panela sempre mexendo para não empelotar. Mexa sem parar até que o molho engrosse. Acrescente a noz-moscada ralada, a pimente e o sal a gosto. Por último, coloque o creme de leite.


Esse molho é base para outros mais incrementados. Pode virar, por exemplo, o molho de queijo da foto. Para isso, basta acrescentar todos os queijos ralados de sua preferencia e mexer até que eles se fundam ao molho. Você controla a quantidade de queijo conforme o seu amor. Eu ponho queijo bagarai. Fica uma géliça!

Se você também quer saber como se faz alguma receita, pode mandar seu pedido pelo émeiu alí do canto. Eu juro que tento.