quarta-feira, 29 de julho de 2009

Creme de tomate



Essa nasceu num dia que tudo que tinha na geladeira eram tomates. Uns cinco. E eu queria algo quentinho, mas não tão engordativo. Segue o creminho honesto.

Ingredientes
Tomates
Azeite
Creme de leite fresco
Mangericão
Sal e pimenta
Parmesão ralado


Preparo

Ferva os tomates inteiros até que comecem a soltar a pele. Descasque-os e tire as sementes e passe no processador/liquidificador. Coloque um fio de azeite numa panela quente, coloque o tomate processado, deixe engrossar o caldo. Sal e a pimenta a gosto. Acrescente um pouco de creme de leite. Salpique o magericão e o queijo. Pronto!

PS.: não tinha mangericão, foi com salsinha mesmo!

sábado, 25 de julho de 2009

Quiche de legumes


Com a chegada do inverno ganhei mais umas arrobas na silhueta. Sá cumé né? Comidas calóricas aquecem o coração e o corpo. Mas entoiçam. Por isso tô tentando pegar leve. Mas nem tanto. Logo segue uma quiche inventada.

Massa
2 e meia xicaras de farinha de trigo
1 ovo
150 gr de manteiga temperatura ambiente
1 pitada de sal

Recheio
3 ovos, ou 4 se forem muito pequenos
Cenoura
Abobrinha
Brócolis
Pimenta dedo de moça
Alho poró
Noz-moscada
E outros legumes do seu gosto
Fermento em pó químico

Preparo

Misture a farinha, a manteiga (ou margarina), o ovo e o sal até que a mssa adquira consitência e desgrude dos dedos com facilidade. O ideal é que a manteiga em temperatura ambiente para aderir melhor a massa. Abra a massa numa forma de fundo removível, subindo um pouco nas bordas. Eu gosto dela bem fina. Leve ao forno para assar por uns 20 min.

Enquanto isso, prepare o recheio. Rale a cenoura e a abobrinha. Pique o brócolis e o alho poró. Coloque um pouco de azeite na frigideira e refogue os legumes no alho e na pimenta dedo de moça até que eles fiquem moles. Deixe esse refogado esfriar. Quebre os ovos numa tigela e bata. Acrescente sal, noz-moscada e bata bem. Se tiver ajuda mecánica (betedeira, liqui) melhor ainda. Por último acrescente um pouco de fermento em pó químico (uma colher de café).

Pegue a forma com a massa pré-assada, espalhe os legumes e coloque a mistura de ovos sobre como cobertura.Se quiser, pode acrescentar queijo ralado que fica bem bom.

quarta-feira, 22 de julho de 2009

À Carbonara


Ainda no bonde das massas do meu livro fiz um carbonara. Pois é, não ficou muito bom, por alguns motivos que eu vou dividir com vocês.

Ingredientes
Espaguete
Ovos (dois ou três)
Bancon
Sal
Pimenta do reino
Meia xícara de leite

O lance do carbonara é que todo o processo tem que ser simultâneo para a massa não passar do ponto e o ovo chegar oa ponto. Por isso, não faça como eu. Antes de tudo pique o bacon em cubos e frite lentamente. Reserve.

Coloque a massa para cozinhar. Enquanto isso bata os ovos com sal e pimenta. Reserve. Quando a massa já estiver quase no ponto coloque o leite para ferver.

Escorra a massa, coloque em uma vasilha grande. Com uma agilidade ninja misture o leite fervente com o bacon e a mistura de ovos e mexa. Aqui é que o bagulho fica um pouco tenso. Porque o calor do leite e da massa é que vão fechar (cozinhar) os ovos e formar aqueles fiapinhos brancos do carbonara.

Caso, os ovos não fechem, você pode levar ao fogo por um minuto. Mas é um minuto mesmo, caso contrario você comerá uma papa em vez de massa. Sirva imediatamente.

Meus erros:
1.O leite não estava quente o suficiente. O ovo não fechou totalmente, tive que remediar no fogo. Não prejudicou a textura da massa, mas podia ter passado sem essa.
2.Eu esqueci de colocar sal no cozimento da massa. O resultado final ficou sem sal.

sábado, 18 de julho de 2009

Camarão de domingo


Infredientes
Camarões cinza médios
Batatas
Pimentão vermelho
Tomates
Leite de côco
Azeite
Pimenta dedo de moça
Cheiro verde
Alho
Sal e pimenta
Limão

Preparo

Frite o alho triturado no azeite, coloque os camarões depois a pimanta picada, sal e o suco de um limão. Quando eles começarem a ficar rosados acrescente um pouco de leite de côco (1/3 do vidro). Deixe ferver por uns 5 minutos e tire os camarões e reserve. Pegue o caldo do cozimento, ele será a base do molho. Acrescente um pouco mais de leite de cocô e deixe reduzir em fogo médio.

Em outra panela, coloque as batatas para cozinhar em pedações, com um pouco de sal e talos de salsinha. Enquanto isso, pique os tomates e o pimentão em rodelas grossas. Em outra panela, passe as rodelas no azeite para saltear e reserve. Quando as batatas já estiverem cozidas passe-as no azeite também.

Pegue um refratário espalhe as batatas e os legumes salteados. Junte os camarões ao molho branco e jogue sobre os legumes. Leve ao forno para gratinar e seja feliz! MUITO feliz!

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Risoto de queijo



A Camis (roomate) ama risoto de queijo e sempre ficava falando do risoto que o falecido (que o diabo o tenha) fazia e tals. Aí eu resolvi fazer antes que ele ressuscitasse. É simples. Mas para que não passe de ponto darei algumas medidas.

Infredientes
Vinho branco
Caldo de frango
Manteiga
Azeite
Alho
Arroz arbório
Sal
Pimenta do reino branca
Cheiro verde
Cebola (opcional)
Todos os queijos que você quiser, gostar e puder pagar. Eu usei golda, gorgonzola, mussarela e parmesão. Brie também fica ótimo, mas tava muito caro.

Preparo
Ferva o caldo de frango com água e conserve quente. Derreta umas duas colheres de sopa de manteiga em uma panela grande com fundo grosso, junte o uma colher de azeite. Adicione a cebola picada (eu não uso cebola) e deixe dourar e adicione o alho para que doure também.

Acrescente uma xíxara (chá) e meia de arroz, mexa bem com uma colher depau até que ele seja envolvido pela manteiga e azeite e comece a ficar mais branco. Acrescente uma xícara de vinho branco e deixe o arroz absorver o líquido completamente.

Vá acrescentando aos poucos o caldo de frango com uma concha. Coloque uma concha e deixe absorver. Repita o processo até que o arroz esteja al dente e o caldo absorvido. Isso leva uns 20 minutos.

Adicione a ultima concha do caldo, os 4 queijos (picados emm cubos pequenos ou ralados), sal e pimenta-do-reino. Mexa para que eles derretam e sejam incorporados. Para finalizar acrescente mais uma colher rasa demanteiga e o cheiro verde. Sirva com queijo parmesão espalhado por cima.

Para acompanhar fiz medalhões de filé grelhados com vinho tinto e shoyou.

domingo, 5 de julho de 2009

Cação com brócolis


Esse foi criado no feriado, quando tive a sexta-feira livre e fui na feira da minha rua. Amo feira. Em 2 horas gastei 50 reais. Comprei postas de cação frescas e não tinha um receita em mente. Cheguei em casa e inventei essa.

Ingredientes

4 postas de cação, ou quantas vc tiver
Brócolis comum
Leite de côco
Alho
Sal
Pimenta branca
Requeijão
Creme de leite
Fatias de mussarela

Preparo

Tempere o peixe com sal, alho e pimenta. Espalhe as postas em um refratário untado com azeite. Coloque um pouco de leite de côco e limão. Leve imediatamente ao forno médio (180 graus). Deixe cozinhar um pouco. Ele vai soltar bastante água. Escorra esse líquido numa panela, ele será a base do molho. Acrescente o requeijão e o creme de leite (só se for fresco, caso contrário coloque no final). Eu tinha um resto de queijo e acrescentei. Mexa bem até engrossar.

Cozinhe os talos de brócolis no vapor. Para isso, pegue uma panela grande com água e sobre ela encaixe um escorredor de macarrão de metal, coloque o brócolis nele e tampe com a tampa da panela. O vapor da água vai subir e cozinhar o legume em 5 minutos. Se não der cozinhe do jeito normal mesmo.

Tire o peixe do forno, coloque os brócolis e cubra tudo com o molho branco. Forre com as fatias de mussarela e retorne ao forno para gratinar. Sirva com arroz branco.